Oswaldo Mendes

Autor e ator, por décadas dividiu-se entre o teatro e as redações dos jornais Última Hora e Folha de S. Paulo e da revista Visão. Escreveu “Bendito Maldito – Uma biografia de Plínio Marcos” (2009, Editora Leya, Prêmio Jabuti), “Teatro & Circunstância” (2005, Editora Núcleo), reunindo três de suas peças, e “Ademar Guerra – O teatro de um homem só” (1997, Editora Senac). Integra desde 2001 o núcleo Arte Ciência no Palco, onde atuou em "Copenhagen" de Michael Frayn (2001), "Perdida", uma comédia quântica de José Sanchis Sinisterra (2002), "Quebrando Códigos" de Hugh Whitemore (2003), "E agora, Sr. Feynman?" de Peter Parnell (2004), "Oxigênio" de Carl Djerassi e Roald Hoffman (2006) "After Darwin" de Timberlake Wertenbaker (2007) e “Crianças da noite” (2012) de Gabriel Emmanuel. Para o Arte Ciência no Palco escreveu as peças “A dança do universo” (2005) e “Insubmissas” (2015).

Cursos já ministrados com Oswaldo Mendes


Voltar


Quem Somos Nós?Instagram
PARCERIA
RÁDIO OFICIAL
APOIO