Gerald Thomas

Autor e diretor de teatro brasileiro com carreira internacional. Seus trabalhos se dividem entre o Brasil, a Inglaterra, a Alemanha e os Estados Unidos. Formado em filosofia, aprofundou a sua vida teatral no La MaMa, de Nova York, adaptando e dirigindo peças dramáticas e a prosa de Samuel Beckett. Trabalhou com Julian Beck e o Living Theatre, inicialmente em Paris, adaptando novas ficções do autor, entre elas, All Strange Away e That Time com o próprio Julian Beck como ator, em sua única atuação como ator fora do Living. Aclamado em polêmicas e agudas adaptações em palcos brasileiros, dirigiu atores importantes como Fernanda Montenegro, Antonio Fagundes, Rubens Corrêa, Sérgio Britto, Tônia Carrero, Marco Nanini e Ítalo Rossi, entre muitos outros. Em 1985, idealizou e fundou a Companhia Ópera Seca, em São Paulo, com quem escreveu e dirigiu grandes sucessos, entre eles Electra com Creta, Mattogrosso, The Flash and Crash Days. Em 2010, radicado em Londres, fundou a Cia. London Dry Opera, com quem escreveu Throats, inspirado em seu testemunho dos ataques de 11 de setembro – mais tarde reformulada como Gargólios. Em 2012 e 2013 publicou os livros Nada Prova Nada (Record) e Arranhando a Superfície (Cobogó), retornando aos palcos com Ney Latorraca, Edi Botelho e a atriz portuguesa Maria de Lima em Entredentes. Sua autobiografia, Gerald Thomas – Entre Duas Fileiras foi publicada pela Editora Record em 2016.

Cursos já ministrados com Gerald Thomas


Voltar


Quem Somos Nós?Instagram
PARCERIA
RÁDIO OFICIAL
APOIO