Darson Ribeiro

Formado em artes cênicas pela PUC/Fundação Teatro Guairá do Paraná, tem especialização em direção, cenografia, figurino e produção. Passou pelos dois mais importantes teatros do país – o Municipal de SP e do RJ, nas funções de diretor técnico, de cena, de produção e operacional. Trabalhou com alguns dos mais importantes diretores brasileiros e alguns internacionais, valendo citar Bob Wilson, Pina Bausch e Strehler, e Jorge Takla, Gabriel Vilella, e Ulysses Cruz – de quem foi assistente no Grupo Boi Voador seguido por anos. Foi o principal consultor para a obra do Teatro Bradesco, onde realizou a abertura com um memorável evento unindo Bibi Ferreira, Ana Botafogo, artistas convidados num show com Café De Los Maestros e Marisa Monte. Lá, permaneceu como diretor artístico por dois anos e meio. Fundador e Diretor geral da DR Darson Ribeiro Produções, seus trabalhos não se resumem somente no ator, mas, em cenografia e figurino, além da produção e a direção propriamente ditas, como em alguns deles: 8 Mulheres, suspense cômico de Robert Thomas, dirigindo Miriam Pires e Ruth de Souza; Oberosterreich, de Franz Kroetz tendo a importante parceria com Ney Matogrosso, pelo Goethe RJ e Consulado da Áustria; Maratona, de Naum Alves de Souza; Boeing Boeing, de Marc Camoletti, que depois do sucesso do Rio, com Heloisa Perissé, fez temporada em São Paulo com Mônica Martelli e Cássio Scapin; A Prova, com Andréa Beltrão; O Mundo É um Moinho, de Fauzi Arap, com Caio Blat, Claudio Cavalcanti e Maria Ribeiro; A Bofetada, com a Cia Baiana de Patifaria; O Mistério do Fantasma Apavorado, de Walcyr Carrasco; Ballet Kirov e Bolshoi, Stomp, Orquestra de Berlin e várias outras. Com As Mentiras que os Homens Contam, de Luis Fernando Veríssimo, ficou em cartaz por quatro anos consecutivos incluindo temporada em Portugal. Como ator, foi vencedor do Troféu Gralha Azul de Melhor Ator, pelo espetáculo Tu & Eu, de Friedrich Wachter, em Curitiba-PR, além de se destacar em peças como O Eucalipto e Os Porcos, texto e direção do argentino Hugo Mengarelli, Bodas de Sangue, de Garcia Lorca, Senhora dos Afogados, de Nelson Rodrigues e Esperando Godot, de Beckett. No Rio, teve destaque na montagem de La Ronde, dirigida por Marcus Alvisi. Recentemente, dirigiu Vincent River, de Philip Ridley, pelo SESC-SP com Sandra Corveloni.

Cursos já ministrados com Darson Ribeiro


Voltar


Quem Somos Nós?Instagram
PARCERIA
RÁDIO OFICIAL
APOIO