Bruno Guida

Ator, produtor, tradutor e diretor de teatro membro do Lincoln Center Director's Lab de Nova York. Também faz parte do coletivo internacional P.L.U.T.O. que reúne artistas de cinco nacionalidades diferentes. Seus últimos trabalhos como diretor foram "Lady M" de Milton Morales, "Match" de Scott Organ, "In Extremis" de Neil Bartlett, "The Pillowman" de Martin McDonagh, "Avental todo Sujo de Ovo" de Marcos Barbosa, "O Silêncio que Veio do Céu" de Felipe Sant'Angelo, "Seis Atrizes" de Waldemar Neves, "A Lipo da Mamãe" de Sérgio Roveri entre outras. Como ator, no teatro, seus últimos trabalhos foram: "Três Mudanças" de Nicky Silver,  "Single Single's Bar" de Dagoberto Feliz, "The Pillowman" de Martin McDonagh, "Pororoca" de Zen Salles, "Notas da Superfície" de Felipe de Moraes, "Amigos Ausentes" de Alan Ayckbourn. No cinema participou do longa "Meu Querido Embaixador" de Luiz Fernando Goulart, dos curtas "Sete Anos Depois" de Esmir Filho e "Dentro" de Bruno Autran. Como tradutor, verteu para o português os textos: "The Pillowman", "In Extremis", "The Nether", "Humpday" e "Phoenix".

Cursos já ministrados com Bruno Guida


Voltar


Quem Somos Nós?Instagram
PARCERIA
RÁDIO OFICIAL
APOIO