• Informações
  • Início: 10/10/2019
  • Duração: 3 encontros
  • Dias: Quintas-Feiras
  • Horário: das 20h às 22h
  • Valor: 3x de R$185,00
 

Mente

Arquétipos e a Filosofia do Imaginário

Jung, Eliade, Campbell e Durand
com Sílvio Anaz

Atenção: este curso é ministrado presencialmente na Casa do Saber (rua dr. Mario Ferraz, 414, São Paulo). Caso queira acompanhar via internet, consulte a área “Ao Vivo/ On-line” do site. A matrícula na turma presencial não possibilita o acesso à versão on-line do curso e vice-versa.


Há narrativas, personagens e ensinamentos que se tornam universais e atemporais, não importa se têm mais de dois mil anos de existência ou se acabaram de chegar às telas dos cinemas. A transcendência cultural e temporal dessas histórias e da sabedoria que trazem é um dos indícios da importância e do papel que os arquétipos têm. Mais do que isso, as imagens arquetípicas presentes nessas narrativas ficcionais são representações do que é o ser humano na vida real, em toda sua amplitude psicológica e comportamental.


Este curso aborda o que são e como se manifestam os arquétipos e o papel mediador que eles têm no processo de interação do indivíduo com o mundo. As aulas partem da análise de narrativas amplamente conhecidas para tratar do conceito contemporâneo de arquétipo, desenvolvido inicialmente nas investigações e reflexões do psiquiatra e psicoterapeuta suíço Carl Gustav Jung. Os encontros abordam ainda as reflexões de pensadores como Joseph Campbell, Mircea Eliade e Gilbert Durand, que avançaram nos estudos sobre os arquétipos e imagens simbólicas, trazendo novas e importantes contribuições para entender o que eles são e como se manifestam na vida e na produção cultural.


Referências bibliográficas
CAMPBELL, Joseph. O herói de mil faces. São Paulo: Pensamento, 1989.

DURAND, Gilbert. As estruturas antropológicas do imaginário: introdução à arquetipologia geral. São Paulo: Martins Fontes, 2002.
DURAND, Gilbert. A imaginação simbólica. São Paulo: Edusp/Cultrix, 1988.
JUNG, Carl G. O homem e seus símbolos. São Paulo: HarperCollins Brasil, 2016.
JUNG, Carl G. Os arquétipos e o inconsciente coletivo. Petrópolis: Vozes, 2011.
HARK, Helmut (Org.). Léxico dos conceitos junguianos fundamentais. São Paulo: Edições Loyola, 2000.


Sílvio Anaz

Doutor em comunicação e semiótica pela PUC-SP, com pós-doutorado em meios e processos audiovisuai...
  • 1
    10/10 O que é arquétipo e de que forma as imagens arquetípicas se manifestam

  • 2
    17/10 Como os arquétipos funcionam nas narrativas ficcionais e não-ficcionais (diferenças entre arquétipos e estereótipos)

  • 3
    24/10 O papel dos grandes arquétipos nas artes e na vida


    • Aguarde o carregamento ... Carregando...
Cálculos das Parcelas
1 x R$555,00
2 x R$277,50
3 x R$185,00

Quem Somos Nós?Instagram
PARCERIA
RÁDIO OFICIAL
APOIO