JÁ FOI
  • Informações
  • Data 28/08/2017
  • Duração: 1 encontro
  • Dia: Segunda-Feira
  • Horário: das 20h às 22h
  • Valor: R$ 180,00
 

Especial

Trópicos Utópicos

Desenvolvimento à brasileira
com Eduardo Giannetti e Pérsio Arida

O Brasil, desde suas origens, é um celeiro de testes e tentativas de toda sorte: explorado como colônia, ostentado como Império, desenhado a régua e compasso como República, o país sempre esteve posto como “o país do futuro”, a terra do leite e mel – amanhã, nunca hoje. A Lévi-Strauss se atribui o seguinte: “O Brasil é o único lugar que passou da barbárie à decadência sem conhecer a civilização”. 


Eduardo Giannetti coloca em Trópicos Utópicos (Companhia das Letras, 2016) uma visão diferente desse aspecto: o Brasil não é o melhor dos mundos por ter justamente insistido em se alfabetizar pela cartilha alheia. Ao abordar os variados aspectos da vida humana e do Ocidente em particular (economia, política, meio ambiente, religião, entre outros), é possível, ao final, vislumbrar um Brasil que se apresenta como alternativa aos modelos já conhecidos. 


Em conversa com Pérsio Arida e mediação do economista José Márcio Rego e Mario Vitor Santos, diretor executivo da Casa do Saber, ele mostra que, para além de qualquer delírio desenvolvimentista, trata-se de reconhecer no Brasil uma nação que percorre o caminho rumo ao desenvolvimento pautada pelos seus próprios valores, uma utopia de Brasil altivo e aberto ao mundo, mas sem perder a ternura, jamais. Faz sentido a ideia de uma civilização brasileira? Talvez.


Eduardo Giannetti

Economista, obteve o PhD na Universidade de Cambridge. Já recebeu dois prêmios Jabuti, por Ví...

Pérsio Arida

Economista, foi um dos idealizadores do Plano Real e comandou instituições, como o Banco Nacional...
  • 1
    28/08 Trópicos utópicos: desenvolvimento à brasileira


    • Aguarde o carregamento ... Carregando...
Cálculos das Parcelas
1 x R$180,00

Quem Somos Nós?Instagram
PARCERIA
RÁDIO OFICIAL
APOIO